INFORMAÇÕES SOBRE AGENDAMENTO DE VISITAS

Em decorrência da pandemia causada pela Covid-19, as visitas presenciais para grupos agendados encontram-se temporariamente suspensa. Contudo, o Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil, com o intuito de aproximar o acervo do Museu com o seu público, disponibiliza visitas educativas virtuais, via plataforma Zoom. 
Para informações sobre o agendamento, seguem alguns apontamentos:

1. Solicitação de agendamento

O agendamento deverá ser solicitado sempre pelo e-mail: agendamento@museuafrobrasil.org.br. 
Ao solicitar agendamento de uma visita, é necessário informar:

  • Data e horário desejado (indique, por favor, mais de uma opção de data e horário);

  • Número e faixa etária dos visitantes – (a cada horário agendamos, no máximo, 30 visitantes);

  • E-mails, telefones de contato e nome do solicitante do agendamento;

  • Informar se há, no grupo, pessoas com alguma deficiência. (por favor, especifique qual a deficiência e se o visitante necessita de algum recurso específico para que possamos criar as melhores condições para a realização de uma visita adequada).
2. Confirmação e preenchimento de questionário 

  • Data, horário da visita e número de pessoas agendadas serão confirmados por e-mail pelo Núcleo de Educação.

  • Após a confirmação da visita, você receberá um questionário que deverá ser preenchido e enviado por e-mail para o setor de agendamento.

  • Preencha esse documento com cuidado e não deixe de enviá-lo no prazo solicitado. Ele é fundamental para a preparação da visita, de acordo com o perfil de cada grupo.
3. Acesso à plataforma e visitação

  • O link para acesso à visita virtual será disponibilizada, para o solicitante, no máximo, 1h antes do horário da visita. 

  • Para uma visita sem atrasos ou intempéries, solicitamos que acessem o link da sala com no mínimo 10 min, de antecedência. 

  • A visita virtual tem duração de aproximadamente 45 min;

Outras Informações Importantes:

  • Caso necessite de comprovação de que participou da nossa visita, o participante deve solicitar com antecedência ao dia da visita.

  • O Núcleo de Educação do Museu Afro Brasil oferece atendimento especial para professores de todas as áreas do conhecimento, tanto da rede pública quanto privada, ligados à Educação Infantil, Fundamental I e II, Ensino Médio e Superior. Essa programação está disponível também para educadores vinculados a organizações que atuem na formação complementar de crianças, adolescentes e adultos.

  • Atendendo a grande demanda por recursos e conhecimentos relacionados à implantação da lei 10.639/03 que prevê o ensino de conteúdos referentes à História e Cultura Afro-Brasileira no âmbito de todo o currículo escolar, o Museu Afro Brasil oferece em sua programação educativa ações voltadas para reflexão sobre tais conteúdos, sempre tendo como ponto de partida sua exposição de longa duração ou as mostras temporárias.


BUSCA

Localizado no Parque Ibirapuera, em São Paulo, e inaugurado em 23 de outubro de 2004, o Museu Afro Brasil nasceu por iniciativa do artista plástico e curador Emanoel Araujo, a partir da doação de sua coleção particular.


O Museu está aberto o ano todo, com exceção das seguintes datas:

  • 24 e 25 de dezembro
  • 31 de dezembro
  • 1º de janeiro